NÃO AO “VIRALATISMO”

vira-lataO “viralatismo” infelizmente chegou até a torcida do Cruzeiro.

Bom os tempos que nos preocupávamos em comemorar as nossas conquistas, erámos uma torcida que se vangloriava dos grandes feitos do nosso time, caçoávamos do nosso rival lhe esfregando na cara a nossa história, as nossas glorias. Tempos fantásticos quando zoávamos o rival após uma acachapante goleada. Eita tempo que era bom.

Hoje as coisas mudaram, que DESGRAÇA. Hoje somos assolados pela síndrome do vira-lata. Nos agarramos a pormenores, a situações minúsculas e que em nosso desespero, tentamos torna-las grandes, importantes e relevantes.

Então. Muitos torcedores do Cruzeiro estão se rebelando e exigindo que a imprensa de destaque a provocação que Leandro Guerreiro fez a torcida do time que o coelho enfrentou ontem, o famoso seis feito com as mãos.

Pois bem. O que o torcedor do Cruzeiro tem a ver com Atlético x América? Num é possível!!! Galera temos muita munição para zoar o rival, não precisamos de ajuda do América. Larguem esse “viralatismo” de lado, isso não nos pertence, isso é muito pequeno, nossa história não nos permite agira assim.

Com tantas coisas para nos preocuparmos. Time mal treinado, elenco de qualidade duvidosa, má gestão em todos os setores do clube, um presidente centralizador, que deixa sua vaidade falar mais alto do que os interesses do clube e mesmo com tudo isso, vocês realmente vão focar no “seis” que Leandro Guerreiro, jogador do América, fez no jogo contra o Atlético?

Vão mesmo encher o saco dos órgãos de imprensa para dar uma cobertura especial a um seis, que aconteceu em um jogo que o Cruzeiro nem em campo estava?

Porra!!! Cobrem da imprensa uma cobertura mais questionadora sobre o atual momento vivido pelo Cruzeiro. Exijam que os repórteres sejam incisivos com os dirigentes e mostrem, através de fatos, comprovações e entrevistas, os reais motivos que levaram um clube que foi bicampeão brasileiro, a situação que está hoje. Com um treinador inexperiente, com um elenco limitado e sem perspectiva de melhora.

A torcida do Cruzeiro sempre fez, e faz diferença. No estádio ela inflama o time, empurra para as vitórias, é vibrante, um show à parte. Fora dele sempre foi exigente, cobra dos dirigentes, exige bons times, é questionadora, uma verdadeira guardiã de seu clube. Então não vamos perder essas características, não vamos ficar correndo atrás de migalhas, esse tipo de papel não é nosso, é de outra torcida.

Não somos vira-latas, somos raposas, então vamos agir como tal.

Abraço

Rodrigo Genta

Comentários

Comentários

Tags: , , , , , , , , , , ,

Sobre Programa Rivalizando

Rivalizar é preciso e faz bem

4 Respostas de “NÃO AO “VIRALATISMO””

  1. Guilherme 14 de Março de 2016 at 10:11 #

    Belo texto Genta. Queria muito que alguém perguntasse o por quê do bicampeonato ter sido tão “ruim” pro Cruzeiro. Ano passado mesmo falando em pagar dívidas, compramos Riascos dentre outros investimentos altos e sem retorno (vide Paulo André, Mena…) e esse ano não há o que esperar se não outro 2012, onde o time não ganha nada e figura o meio da tabela.
    Economizar em diretor, técnico e restringir o trabalho da diretoria com “vontade” vai acabar saindo mais caro que os times do Mattos.

  2. Dre 14 de Março de 2016 at 11:22 #

    Vcs não são Raposas…são LOBOSGAYS VICE e Fregueses kkk e agora sim tudo está no seu devido lugar….CÚzero vivendo de Drones e 6a1 inúteis e nós, os Donos de Minas, no topo de tudo kkkkk

    Abração noGENTA kkkk… zoação à parte, vc é muito gente boa!!!

  3. Santos 14 de Março de 2016 at 14:38 #

    Falou logo quem quer AB de volta. Isso que é vira latismo…

  4. Pedro 14 de Março de 2016 at 16:13 #

    Eu tenho um ódio desgraçado quando um bando de inúteis faz aquele 6 com as mãos MESMO COM O TIME PERDENDO.

    Infelizmente a torcida cruzeirense não é mais a mesma, nossa tradição sempre foi de COBRAR O TEMPO TODO e apoiar muito dentro do estádio, tradição herdada dos italianos, essa galerinha do viralatismo, apoio incondicional… tão destruindo nosso Cruzeiro

Deixar uma resposta