É PRECISO “PATRICAR”

Douce Enfance, sua páscoa vai ser especial

[useful_banner_manager banners=6 count=1]

PatricNo futebol nem todos sabem aproveitar as oportunidades, de milhares de meninos que passam pelas categorias de base dos clubes, poucos se tornam atletas profissionais em grandes times e quando conseguem… quando assinam o seu primeiro contrato profissional… pronto! É carro importado, dezenas de tatuagens, noitadas e passam a ser chamados de promessas.

Já vi varias dessas “promessas” por aí: Tchô, Renan Oliveira, André Bebezão, Leleu… Aliás, esse ano é o ano do Tchô (rs…). O drama é que essas promessas, ficam somente nessa, de serem promessas, nunca se tornam realidades e acabam jogando em times medianos em toda as suas carreiras.

Bom aí surge ele, o “PATRICÃO” da massa, que consegue levar o torcedor atleticano do amor ao ódio em milésimos de segundos. Muitas vezes ele é xingado, vaiado e mesmo assim continua firme em seu propósito de ser um jogador importante para o Galo. Treina muito, corre o tempo todo. Nas partidas, uma certeza se pode ter, Patric deixa tudo que tem a oferecer no campo, se doa 100%, honra a camisa do Atlético o tempo todo. Joga com raça, se esforça.

Com essa sua atitude, a correta por sinal, ele consegue o respeito dos treinadores, dos dirigentes, mas por incrível que pareça, não consegue conquistar o coração da massa. O porque? Essa é a grande pergunta. Quem tiver essa resposta, seria de grande valia expô-la.

Esse é o Patric, humilde, trabalhador e sem grife. Somente mais um, entre milhares de brasileiros, que honram suas famílias com seu trabalho.

Patric como jogador, é 99% do tempo um atleta normal, mas o 1% de lampejos de Messi que ele tem nos jogos, é o que o torna o “PATRICÃO” da massa.

Até mais

Eduardo Guerra

Comentários

Comentários

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Sobre Programa Rivalizando

Rivalizar é preciso e faz bem

3 Respostas de “É PRECISO “PATRICAR””

  1. Ctaki Galo 18 de fevereiro de 2016 at 22:10 #

    Um time cheio de PATRICÃO não vai a lugar algum mas todo time precisa de um… E nós temos o original….. vamos GALO! Foi só a primeira batalha…..
    Parabéns pelo texto….

  2. Du viotti 19 de fevereiro de 2016 at 11:30 #

    Parabéns pelo programa!!!! Não perco um.. Todo domingo às 21:00 estou firme e forte no you tube!!! Bi da liberta!!!!! Galao da massa…

  3. Jaqueline Batista 21 de fevereiro de 2016 at 08:05 #

    Sempre achei injusto as inúmeras vezes que a torcida do galo criticou durantemente o Patric. Comecei a respeitá lo não só pelos números mas oela personalidade. Ele sempre fez o feijão com arroz e as vezes tem esses lampejos de Messi. Soube essa semana que ele vive um drama pessoal, com seu filho, Dominic, isso só aumenta meu respeiro. Que sirva de exemplo aos demais! Vamos galo, faltam 13!

Deixar uma resposta